O polêmico - Jota Luiz – POLÍTICA / ESPORTES / SAÚDE / POLÍCIA e VARIEDADES

Professora de Coroatá denuncia perseguição de diretora aliada ao governo

Thate Carvalho Brito 1A professora Antônia Pereira, que é professora da Rede Estadual de Ensino e leciona na cidade de Codó, alega perseguição por parte da diretora do Centro de Ensino Francisco Gonçalves Magalhães durante avaliação do Sistema Integrado de Administração de Recursos Humanos(SIARH), que é feita anualmente sobre os professores.

De acordo com Antônia, a diretora identificada como Maria do Carmo, que é aliada do governador Flávio Dino, agiu de má fé e faltou com a verdade apenas com o objetivo de prejudicar os professores.

A docente afirma ainda que diversos itens da avaliação feita pela gestora não condizem com a realidade e alguns, como o de pontualidade, ela nem teria como avaliar porque dificilmente está cedo na escola.

Além disso, a gestora, segundo denúncia da professora, não tem preparo administrativo e pedagógico, pois a mesma nunca tinha administrado uma escola e, durante o ano de 2015, nunca buscou o diálogo entre os docentes.

“A diretora nem se quer passou na prova que lhe habitaria para o cargo de diretor/gestor de escola, pois a mesma não cumpriu os itens necessários estabelecidos pelo governador eleito Flávio Dino em seu discurso de posse quando estabeleceu 17 atos entre eles o item 8 que fala sobre Gestão escolar democrática (Decreto nº 30.619), que dispõe sobre o processo seletivo democrático para as funções de gestão escolar das unidades de ensino da rede pública estadual”, revela a professora.

Do Luis Pablo

Categoria: Blog