O polêmico - Jota Luiz – POLÍTICA / ESPORTES / SAÚDE / POLÍCIA e VARIEDADES

Waldir Maranhão quer tirar licença e ser secretário do governo de Dino, mas PP não aceitou

O deputado federal Waldir Maranhão (PP-MA), ainda presidente interino da Câmara Federal, desde ontem sentiu a terra lhe faltar aos pés. Ficou apenas com o apoio do PT e PCdoB para continuar no cargo.

Sem a ampla maioria, o jeito foi propor ao seu partido que tirasse uma licença do mandato para se tornar secretário de Ciência e Tecnologia no governo de Flávio Dino, cargo que ele já ocupou no governo de Roseana Sarney.

O PP não concordou com a proposta  e exigiu que ele renunciasse ao cargo de vice-presidente para que em seu lugar fosse escolhido o deputado Esperidião Amin (PP-SC).

A situação de incomodo que vive Maranhão entre seus pares foi por causa da revogação da votação que autorizou a abertura do impeachment da presidente. Ele recuou ante de completar  24 horas.

Sem condições de ficar no cargo, o deputado maranhense deve decidir por todo dia de hoje o pedido de renúncia da vice e, consequentemente, da interinidade na presidência da Câmara Federal.

Do Luis Cardoso

Categoria: Blog