O polêmico - Jota Luiz – POLÍTICA / ESPORTES / SAÚDE / POLÍCIA e VARIEDADES

Emserh está há três meses sem pagar médicos de Coroatá

Médicos que atuam no Hospital Macrorregional de Coroatá Alexandre Mamede Trovão estão em vias de parar o atendimento ao público.

Eles reclamam que a Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh), que administra a unidade, não paga pelos serviços contratados há três meses.

Segundo apurou o Blog do Gilberto Léda com um grupo dos profissionais que atuam por lá, há previsão contratual para interrupção da prestação do serviço em caso de atraso de 90 dias ou mais no pagamento.

Categoria: Blog